Nem ousado nem apagado demais. Assim pode ser definida a decoração neutra com pontos de cor

Pontos de cor AHPH Arquitetura

Cinza, bege, preto, grafite são cores para aqueles que não se arriscam, mas dá para manter a base da decoração com essa paleta e somar com móveis, objetos, adornos e até mesmo plantas em outros tons para dar um toque de vida no décor.

As cores neutras são versáteis e podem criar a sensação de tranquilidade ao ambiente, além de nunca saírem de moda. Para as arquitetas Andreia Hernandes e Pilar Hernandez da AHPH Arquitetura Interiores, uma das regras com as cores é a do 80/20, onde 80% do ambiente fica neutra, mas os outros 20% são preenchidos com uma cor que destacará.

“Pode ser uma parede ou até mesmo um sofá em uma cor diferenciada. A intenção é quebrar um pouco a monotonia que as cores neutras podem criar e dar uma leveza ao ambiente”, afirma Pilar.

E que tal um investir em duas cores? As arquitetas explicam que é preciso apenas tomar o cuidado para elas não se combinarem, pois com isso pode criar um visual carregado. Andreia explica que o tamanho do espaço também deverá ser levado em conta. “Algumas cores criam a sensação de ambiente menor, como é o caso do vermelho”.

As sugestões para duas cores harmoniosas são: amarelo e azul, cinza e amarelo e vermelho e verde. Os móveis também podem entrar na “dança”. A dica é também em apostar em móveis de diferentes cores que podem ser unidos. Que tal mesas laterais nas cores amarelo e azul e um sofá cinza?

As arquitetas explicam que o PB pode ser usado para quem acha que o colorido pode ser chamativo demais, mas que ainda sim gostaria de algo de diferente. “O preto e o branco são tons que sempre dão certo e criam um ambiente elegante”, conta Pilar.

Já os acessórios são perfeitos para quem não quer arriscar muito, pois podem ser mudados ocasionalmente. Almofadas, por exemplo, que as capas podem ser trocadas conforme as estações. Para o verão, almofadas com estampas tropicais e no inverno, almofadas em tons mais terrosos e aveludados.

Os quadros também podem ser trocados, eles personalizam o lar. As arquitetas dizem que o que vale é criar uma casa que possui a “cara” dos donos, mas harmonizar as cores é fundamental, pois altera até mesmo as sensações de quem está no local, podendo gerar bem estar ou o contrário.

Serviço:
AHPH Arquitetura e Interiores
(11) 7878-7685
http://www.ahpharquitetura.com.br