top

 

 

Home Arqbrasil

 

• PB Arquitetura / SP

Home Arqbrasil

 

Priscila e

Bernardo Tressino

 

 

 

 

Atua no mercado desde 2006 tanto em projetos residenciais quanto corporativos, buscando soluções criativas e acessíveis para cada situação. Curiosa, busca compreender o cliente e partindo desse universo desenvolve projetos sob medida para cada demanda e desejo.

 

55 (11) 942-752-900  | @ | WEB |

 


 

 

Share

 

 

 

Arquitetura
 Interiores

Comercial

 

Residência | São Caetano do Sul / SP

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Fazer que uma casa seja considerada lar requer que muitas das características dos moradores sejam consideradas. Sendo assim, os arquitetos do escritório PB Arquitetura conseguiram e ousaram na personificação da reforma nesta casa em São Caetano do Sul, ABC Paulista, não apenas nos ambientes, mas na abertura para grafites nas paredes.

A proposta veio somada com muitas surpresas, o ambiente de 300m² deu espaço para muito mais aconchego do que era previsto para os pais de duas meninas de 11 e 8 anos, sendo eles a internacionalista Isabel e seu marido gerente de projetos, Rodrigo. “Esta família adora ler, assistir filmes e séries juntos. Por isso investiram nos equipamentos de áudio e vídeo.

 

Curtem rock, tatuagens, fazer cerveja artesanal, churrasco e receber parentes e amigos. As meninas são parceiras em tudo, tanto que não quiseram dormir em quartos separados. Tem dois cachorrinhos o Zeca, um yorkshire e a Antônia, uma vira-lata adotada”, conta a arquiteta Priscila Tressino.

De acordo com a profissional, a casa tinha seus ambientes bem demarcados e divididos com paredes de alvenaria. Sendo assim, a parte de destaque da reforma foi a demolição das paredes do térreo e total integração dos ambientes: sala, jantar e cozinha. Além de que, todos os ambientes receberam forro de gesso para equilibrar as alturas do pé direito e também instalar a nova iluminação embutida.

Chegando à um dos itens de destaque na reforma, por conta dos gostos da família, o artista plástico Fernando Reche foi convidado e deixou a sua marca ao fazer um painel que cobre toda a parede da sala com elementos soltos de tudo que os moradores mais gostam.

Ainda, na churrasqueira, o trabalho foi inspirado pelas origens da família, metade imigrantes italianos e a outra metade de migrantes nordestinos.

“A cabeceira no quarto das irmãs foi uma surpresa para as meninas. Aliás, toda a reforma! Elas pensavam que iriam só pintar e trocar alguns revestimentos. Não contavam com uma casa totalmente diferente da que elas já conheciam”, revela a arquiteta.

As cores do projeto foram adotadas por seu estilo urbano, já os pisos e revestimentos vão desde porcelanato e vinifico à papeis de parede e 3D, além de propriamente os grafites realizados pelo artista.

Em questão da iluminação, o forro de gesso possibilitou a criação de um projeto mais interessante para sala e cozinha. “Demos destaque para o lustre do jantar, que se remete a um átomo, como eles são muito interessados em assuntos de ciência e fãs de The Big Bang Theory.

 

No balcão da cozinha um jogo de pendentes assimétricos acrescenta luz com estilo. Como a sala não tem TV, só o telão retrátil com projetor, toda iluminação ficou embutida para não interferir nas imagens”, finaliza Priscila.

 

 

 


 

 

 

 

Arquitetura
Interiores

Residencial

 

 

Apartamento | São Paulo / SP

 

No apartamento de um jovem casal, de 80 m², a sensação é de aconchego. Com paredes de tijolinhos à vista e integração de ambientes, o projeto executado pelo  casal Priscila e Bernardo Tressino da PB Arquitetura, alia o rústico ao moderno, mas sem exageros.

Segundo os arquitetos, mesmo com o “layout bacana”, alguns ambientes possuíam dimensões reduzidas e, por isso, a escolha foi pela quebra de paredes. A integração deu mais amplitude e criou um melhor convívio entre os moradores e convidados.

A parede do terceiro quarto, então, teve de ser derrubada, e com isso, a sala ganhou mais espaço. “Decidimos demolir também as paredes que dividiam a cozinha e a lavanderia da sala, em seu lugar posicionamos um armário alto, que pode ser acessado pelos dois lados, conjugado à um balcão ilha, aumentando assim, significativamente, a área de armazenagem dos armários”, explica Bernardo.

Para Priscila, a personalidade do apartamento foi criada a partir do tijolinho inglês aparente. Ele segue desde o hall de entrada até o painel da televisão. Inspirado nos lofts urbanos - espaços industriais utilizados como residências, na década de 70, em Nova York -, aqui, o charme dos tijolinhos em tons mais claros criou a sensação de aconchego no ambiente.

Outros materiais foram escolhidos para contrastar com os tijolinhos. O piso de porcelanato branco polido e os eletrodomésticos em inox, por exemplo. Já, o balcão entre a sala e a cozinha, em preto São Gabriel, com acabamento escovado, aliam a rusticidade do revestimento da parede e também dão um toque mais moderno à composição.

Priscila e Bernardo explicam que o pé direito do apartamento é baixo, portanto, spots brancos embutidos no forro de gesso são utilizados para iluminar os pontos de permanência, outros menores marcam a circulação do layout.

As inspirações também ficam por conta do rack atrás do sofá e a madeira que “divide” o pequeno corredor e a sala de televisão. Bernardo conta que o rack é solução para que as costas do sofá não fiquem tão expostas e ainda dá funcionalidade ao móvel.

Um apartamento cheio de boas ideias, sempre considerando o perfil dos moradores e trazendo personalidade para cada detalhe, seja ele rústico ou moderno.

 

 

 


 

 

 

 

 

 

Buscar no Portal>>

 

 

©Jizcom / https://arqbrasil.com.br  - O espaço da arquitetura brasileira