top

 

Home Arqbrasil

Edgar Sacchi Arquitetura [SP]

Home Arqbrasil

 

 

 

 

Em 2012 criou seu escritório de arquitetura, para atender as necessidades de seus clientes e desde então acumula larga experiência em gerenciamento e execução de obras de todos os portes.Desenvolve a metodologia BIM como um dos mais avançados escritórios em São Paulo atendendo as principais incorporadoras e construtoras.

 

55 (11) 3645-0536 | @ | WEB | @edgarsacchiarquitetura

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Rigobelo Padaria Artesanal | São Paulo / SP

 

• Arquitetura / • Interiores / Comercial

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Indo na direção oposta à produção mecanizada e “fast”, o artesanal está se disseminando na cultura urbana, resgatando aquilo que é feito com as próprias mãos, de forma mais personalizada.

Em busca de qualidade, propósito e uma nova visão em relação aos produtos, o conceito artesanal se traduz em diversas áreas, entre elas, a Gastronomia, com novos restaurantes que exploram alimentos caseiros e artesanais; e a Arquitetura e Design, que vêm aderindo o que é feito manualmente, criando conexões em ritmo “slow”, que se opõe à produção em série.

A união entre a gastronomia e a arquitetura artesanal traduzida para o cenário moderno e contemporâneo é a marca do novo projeto criado pelo escritório Edgar Sacchi Arquitetura, onde o desafio era transformar o espaço sem uso de apenas 50m² na Rigobelo Padaria Artesanal.

Minimalista, moderno e barato

Com identidade rústica e simples, a ideia era que o ambiente fosse tão confortável quanto a sensação de um pão artesanal quentinho saindo do forno. “O espaço foi utilizado de forma que todos os elementos fossem minimalistas”, conta o arquiteto.

Para isso, foram utilizados alguns materiais que, além de dialogarem com o conceito, deixaram o projeto mais barato, fazendo com que o orçamento previsto de 30 a 50 mil fechasse em torno de 25 mil no fim da obra. Entre tais elementos, está a madeira nas mesas e balcões, e as placas de forro acustica e termica de fibra mineral, que mantém a temperatura confortável tanto no inverno quanto no verão.

A união entre estilo e economia também esteve presente na escolha do piso vinílico e no revestimento Subway Tile. Traduzido por “azulejos de metrô”, os Subway Tiles, que são pequenos azulejos retangulares utilizados no projeto na cor branca, quese espalharam pelas maiores estações do mundo, como Nova York, Londres e Paris, no início do século XX, e desde então se tornou um clássico.

Outro recurso que incorpora o estilo do ambiente é o trilho de iluminação aparente. “As tubulações e iluminações aparentes também foram estratégicas. Além de imprimirem essa ideia rústica e industrial, elas diminuem o custo. O mesmo serve para o uso do vidro dos balcões para mostrar os produtos e fazer uma integração entre e a cozinha e o saguão”, conta Edgar. Para finalizar, a marcenaria desenhada pelos arquitetos teve a execução artesanal pelo próprio proprietário dando mais personalidade ao ambiente.

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Studio 38 | São Pailo / SP

 

• Arquitetura / • Interiores / Residencial

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O compacto apartamento de solteira ganha lavabo independente e painel de marcenaria para ambiente social

“A arquitetura atual, tende a ser cada vez mais compacta e funcional, uma vez que o perfil das novas gerações, formadas muitas vezes por pessoas solteiras ou casais sem filhos, procuram pelo aproveitamento máximo dos espaços”, observa o arquiteto urbanista Edgar Sacchi.

O diferencial do escritório Edgar Sacchi Arquitetura está no sistema de Turnkey, ou mais conhecido como chave na mão, o sistema que consiste em um serviço completo, e envolve todas as etapas de um projeto arquitetônico, que vão desde a concepção inicial do projeto até a entrega das chaves, ou seja, o cliente não terá que se preocupar com absolutamente nada, pois em um único contrato ele terá todos os serviços de todos os fornecedores já inclusos e gerenciados por um arquiteto.

O projeto Studio38 segue esse processo e, como o nome sugere, o apartamento de 38m2 tem como proprietária uma jovem, solteira, com o perfil social ativo, que gostaria de fazer diversas confraternizações e encontros, recebendo em casa muitos amigos e familiares. Por isso um dos pontos chaves na criação do projeto foi a separação do ambiente privativo (dormitório) com o ambiente social (cozinha e sala de estar) através do painel em marcenaria, e principalmente na criação do lavabo
para atender visitas.

Antes da reforma, o apartamento tinha no projeto a sala de estar integrada com a cozinha, o dormitório, a varanda e o banheiro, com o lavatório externo, porém seus ambientes e armários eram mal projetados.

A primeira solução encontrada pelo arquiteto foi integrar a sala de estar com a varanda, ganhando assim a sensação de um espaço mais amplo e iluminado.

A segunda solução foi a demolição e substituição da parede principal que fazia a divisão entre a sala estar e o quarto por um painel de fechamento em marcenaria, ganhando assim muito mais espaço de armário, um painel de TV e também um novo ambiente, o lavabo, que foi criado no espaço onde antes existia somente o lavatório externo do banheiro. Com essa alteração, a cliente ganhou, além do lavabo, um quarto com mais espaços de armários e uma aconchegante suíte.

A reforma completa com móveis teve o investimento entre R$100.000 e R$150.000, com a seleção dos materiais: Piso porcelanato em cimento queimado (Piso Eliane), Tijolinhos de demolição (Tijoleste), Marcenaria Todeschini, Tintas Coral, Luminárias Luz Oculta, Pedras em granitos Helimarmore.

Contar com a sensibilidade da equipe do escritório do Edgar Sacchi foi, sem dúvida, o fator mais importante de todo o projeto. Mudei de um apartamento de 67m² para este de 38m² e precisava de espaço para me sentir confortável em um ambiente menor. O desafio foi transformar 30m² em 50m²! Armazenar minhas coisas, receber amigos e família em casa, além da minha filha pet Jade! Minha necessidade foi atendida com um projeto pensado nos mínimos detalhes, desde a construção civil até a mobília com aproveitamento de medidas, deixando o apto funcional. EU TENHO UM LAVABO em 38m2! Ganhei uma parede de tijolinhos aparente, que sou apaixonada e um ambiente amplo, mesmo em apenas 38m², tenho armários para todos os tipos de volumes... Minha casa não é somente uma casa...é um lar!!” – Viviane Brammer, proprietária.

Fotografia Tulio Vidal

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Optisom | São Paulo / SP

 

• Arquitetura / • Interiores / Comercial

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Com 50 anos de história, a tradicional loja Optisom localizada no centro da capital paulistana e especializada em equipamentos e acessórios para fotografia e vídeos, tinha um propósito: melhorar a rotina de trabalho dos funcionários e conquistar ainda mais clientes. Para isso, o proprietário Adriano Carnelossi resolveu procurar ajuda de um profissional, foi quando conheceu o escritório Edgar Sacchi Arquitetura.

A equipe teve o desafio de ampliar e modernizar o ambiente da loja, deixando-o mais interativo e confortável, melhorar o fluxo do local para que clientes circulem por toda a loja para conferir as vitrines e os produtos à venda e, detalhe, a reforma deveria acontecer com a loja em funcionamento.

A reforma tinha como principal objetivo tornar o ambiente mais amplo e moderno sem deixar de lado seus espaços privativos, que servem como área administrativa da loja.

O projeto se iniciou com muito cuidado e planejamento, que levou em conta não somente a estética, mas, principalmente o fluxo do local, a fim de separar e melhorar a circulação interna da loja, visto que antes, todas as tramitações eram feitas através do pequeno espaço do balcão. Hoje, os fluxos são separados pela área dos clientes/exposição e as áreas técnicas com corredor de circulação próprio.

O espaço de 160m² que antes era subdividido em pequenas salas, davam a sensação de um ambiente pequeno e mal dimensionado.

A recepção dos clientes acontecia por um simples balcão de atendimento que ficava localizado logo na entrada da loja, porém era pequeno, antigo e nada confortável pois aquele pequeno espaço servia também para receber mercadorias, tramitação de aparelhos para manutenção, além da expedição de produtos vendidos no e-commerce da loja, o que gerava diariamente tumulto e falta de organização.

O espaço foi triplicado criando amplas vitrines em marcenaria para exposição de produtos, um lounge de espera com café e bebidas à disposição, priorizando o conforto dos clientes, um minimuseu de câmeras fotográficas antigas e um totem exclusivo de 40 polegadas touchscreen (tecnologia inédita no Brasil) para consultas dos produtos em tempo real na loja virtual.

Como estratégia de vendas, os clientes que chegam à procura de serviços de manutenção obrigatoriamente percorrem toda a loja para conferir as vitrines e os produtos à venda. Outro detalhe, é que antes, a loja não tinha ar-condicionado e hoje ela é 100% climatizada.

 

 

 

 

 

 

 

 

©Jizcom / https://arqbrasil.com.br  - O espaço da arquitetura brasileira

Home Arqbrasil